Saturday, October 2, 2010

Restaurante Japonês

Esse dias aqui em Wichita estão sendo muito gostosos. A temperatura está amena e com bastante sol. Outro dia fui até para a piscina, quer dizer, para a borda da piscina tomar sol, a água estava muito fria.


O gostoso aqui é que parece que você tem tempo para fazer tudo. Quer dizer, eu que AINDA estou à toa, não conta, mas eu vejo pelo Pedro. Ele sai às 7:50 de casa e chega no trabalho às 8:00. Volta para almoçarmos juntos, depois vem para casa no final do dia e chega às 17:15. Ainda está claro então temos caminhado (como exercício) e muitas vezes só andado nas redondezas, vendo as lojas...


O Happy Hour do pessoal aqui é as 18:00, imagina? Em BH tinha que marcar às 20:00 para todo mundo conseguir chegar por causa do trânsito. Ah, e os restaurantes fecham às 22:00 nos dias de semana... mais uma coisa BEM diferente.


Na quinta feira, teve a despedida da Moara, lembra dela? Falei que ela tem ajudando bastante e que o Pedro vai assumir o lugar dela. O pessoal do trabalho resolveu sair com ela. Na hora do almoço fomos a um restaurante mexicano e na hora do jantar a um japonês. MUITO LEGAL! Tenho certeza de até quem não gosta de comida japonesa ia gostar. Aqui o que menos tem é comida crua.


O restaurante chama SUMO e tem mesas que comportam mais ou menos 9 pessoas. Elas são como balcões, apenas em três lados de uma super chapa e no outro lado dela fica um Japa fazendo um showzinho... Você chega ao restaurante e escolhe o que vai beber, antes do cardápio (para variar um pouquinho), depois escolhe o que vai comer. Aí, vem uma sopa (água com caldo Knorr, pedacinhos de tofu e grãos de arroz) que é gostosa, mesmo que não pareça com esse descrição que eu dei =). Depois vem um prato de salada com molho de gengibre, uma delícia e bem suave. E então vem O Japa, que confere o que cada um pediu e começa a fazer o show.



Ele bate as espátulas na chapa, dança, roda, joga comida pra cima e vai preparando os pratos de cada um. Primeiro ele monta uma cebola ao contrário, forma uma torre e coloca fogo dentro dela... Depois faz um arroz, tipo chinês, com alho, vegetais e ovo, que ele joga para cima e quebra na própria espátula. Enquanto as coisas vão cozinhando, ele faz camarões e cogumelos e todos recebem um pouco, mesmo sem ter pedido. Depois ele serve os pratos. No final estão “reservados” alguns camarões que ele joga para cima para a pessoa tentar pegar com a boca. Eu não consegui pegar o meu... e então o camarão foi parar no chão =(. Em outras mesas eu vi pessoas muito boas, ai ele jogava um monte de camarão até a pessoa encher a boca e não conseguir pegar mais. Foi bem divertido... Depois de tudo eles servem um sorbet de morango, como um sorvete, mas feito com água. MUITO BOM!


Vocês estão vendo que aqui a gente só come, né? Nesse dia não consegui dormir a noite de tanto que eu tinha comido...


No comments:

Post a Comment